A rede municipal de ensino de Londrina deu um salto quantitativo e qualitativo no período de 2013 a 2016. Os avanços foram registrados em todas as áreas, do orçamento à construção de salas de aula, passando pelo Passe Livre que beneficiou todos os estudantes do Município.

Os bons resultados da Educação podem ser demonstrados por dois grandes exemplos: o aumento no Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (IDEB) e o 1º Prêmio Sebrae Educação Empreendedora no Paraná.

Divulgado em setembro de 2016, o IDEB da rede pública municipal atingiu 6,5 pontos, o que superou a meta estabelecida para os anos iniciais do ensino fundamental (1º ao 5° ano) para 2015, que era de 5,9. Superou até a meta projetada para 2019. A Escola Municipal Neman Sahyun foi a mais bem colocada em Londrina e a 5ª. melhor no Estado, com o índice de 8,2.

Já o prêmio Sebrae Educação Empreendedora foi vencido por Londrina ter implantado o Programa Sebrae de Educação Empreendedora em 100% das escolas do Fundamental I. Concebido para reconhecer as melhoras iniciativas e resultados em Educação Empreendedora, o prêmio foi entregue em novembro à então secretária municipal de Educação, Janet Thomas.

Informatização – Os avanços são consequência do trabalho desenvolvido, entre 2013 e 2016. A Secretaria Municipal de Educação é, atualmente, uma pasta muito diferente daquela encontrada em janeiro de 2013.

Em 2013, as escolas não eram informatizadas. O sistema de comunicação entre as escolas e a Secretaria era feita através de ofícios e circulares, em papel.

Atualmente, a Secretaria Municipal de Educação trabalha com unificação e organização dos dados da Educação, em programas específicos desenvolvidos Diretoria de Tecnologia da Informação (DTI) da Secretaria Municipal de Planejamento, com custo zero.

A lista de matrícula para Educação Infantil agora é on-line e, por esse sistema, é feito o cruzamento com o número da matrícula do IPTU e a criança encaminhada para o Centro Municipal de Educação Infantil (CMEI) ou Centro de Educação Infantil (CEI) mais próximo da casa da família.

A Educação continuará avançando porque a administração, pois a Gestão 2013/2016 deixou garantidos recursos para construção de 14 novos CMEIs e duas novas escolas, nos conjuntos habitacionais Vista Bela e Flores do Campo. No início de 2017, será aberta uma nova escola com 10 salas no mesmo espaço do Colégio Estadual Vicente Rijo, numa parceria com o Estado firmado no final de 2016.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *